Receba no seu e-mail

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Perdoar é divino-Mateus 6.12

Todo dia com Deus 

Perdoar é divino
Stormie Omartian

“Perdoa as nossas dívidas, assim como perdoamos aos nossos devedores.” Mateus 6.12

Viver com raiva é fácil. Perdoar é difícil. Nas célebres palavras do poeta e ensaísta britânico Alexander Pope: “Errar é humano, perdoar é divino”. A primeira parte é, sem dúvida, verdade. Nós, seres humanos, somos especialistas em fazer tolices. Aperfeiçoamo-nos na arte das declarações tolas, dos comentários sarcásticos, das observações maldosas e das promessas rompidas. E todos nós também já fomos alvo de abusos. Machucamos e fomos machucados. Usando a terminologia bíblica: pecamos contra outros e eles pecaram contra nós.

Pecar é algo que fazemos com naturalidade. Mas perdoar é outra história. Pope tinha razão: perdoar é divino. Significa que você nunca será capaz de oferecer perdão a menos que Deus o conceda antes a você. Portanto, o perdão não diz respeito a você, nem a quem o feriu tão profundamente. O perdão se refere a Deus. 

Perdoamos porque:

Deus nos perdoou.
Deus ordenou que perdoássemos.
Deus nos deu forças para perdoar.
Deus se encarregará de julgar a outra pessoa.
Deus é muito mais importante para nós que viver com raiva.
Deus é muito mais importante que a dor que sentimos.
Deus é fiel e fará o que é certo.
Deus é Deus, e nós não. Apenas isso.

Oração

Senhor, peço que me dês a graça de perdoar, de modo que eu possa estendê-la a quem me feriu. Sei que não sou capaz de fazê-lo sem ti. Meu desejo é sempre glorificar-te, então realiza essa obra em mim. Em nome de Jesus.
Fonte: Bom dia – Leituras diárias com Stormie Omartian


Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...