Receba no seu e-mail

terça-feira, 6 de janeiro de 2015

Fazendo Sacrifícios-Gênesis 22:1-3

Todo dia com Deus

Fazendo Sacrifícios

Passado algum tempo, Deus pôs Abraão à prova, dizendo-lhe: “Abraão!” Ele respondeu: “ Eis-me aqui!”.Então disse Deus: “Tome seu filho, seu único filho, Isaque, a quem você ama, e vá para a região de Moriá. Sacrifique-o ali como holocausto num dos montes que lhe indicarei”. Na manhã seguinte, Abraão levantou-se e preparou o seu jumento.Gênesis 22:1-3

Deus, às vezes, pede coisas bem estranhas. Noé teve de construir uma arca a quilômetros de distância da água mais próxima e providenciar nela baias que de alguma forma pudessem receber animais. “Ele certamente ficou imaginando como reuniria os leões e ao mesmo tempo como os manteria afastados das zebras!”

Nada, porém, se iguala exatamente à tarefa confiada a Abraão. Deus não só lhe pediu que matasse seu filho, mas também estava tirando dele à resposta a promessa pela qual aguardara 25 anos. Isaque era o herdeiro de Abraão o filho prometido a ele e a Sara, a criança nascida em sua velhice. A morte de Isaque mataria também o sonho. Ou não!

Ao que parece abraão não perdeu tempo preocupando-se com o problema. Na manhã seguinte levantou cedo arriou o jumento, acordou o rapazinho e dois servos, cortou madeira(precisaria de gravetos para ascender o fogo) e partiu para uma viagem de três dias. O que lhe teria passado pela mente durante aqueles três longos dias? Imagino que Abraão tenha falado muito com Deus. O relacionamento dele com o Senhor era suficiente para que confiasse em Deus. Ele não compreendeu; sabia que obedecer a Deus o feriria profundamente, mas foi em frente. Continuou obediente. Quando chegou ao lugar, construiu um altar, amarrou o filho, colocou-o sobre o altar e levantou a faca.

Algum de nós conseguiria confiar tanto em Deus?

Nosso coração treme ao pensar no sacrifício de um ser humano. Seriamos prudentes, no entanto, ao refletir em como essa história retrata de modelo espantoso o que o próprio Deus faria futuramente por nós. Da mesma forma que Isaque carregou a lenha para a oferta queimada, Jesus carregou a própria cruz até o Gólgota. Como Abraão colocou Isaque sobre o altar, Deus colocou o seu Filho na cruz. Como Abraão levantou a faca para matar o filho em obediência a seu Senhor, deus permitiu que Jesus fosse morto para que o pecado pudesse ser castigado e o perdão, oferecido. Abraão sabia que Deus proveria o cordeiro para a oferta (22:8). Séculos depois ele o fez. João Batista salientou isto para seus seguidores. “Vejam! É o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!” (Jo 1:29).

Até que ponto você confia em Deus realmente? O suficiente para morrer por Ele? O suficiente para permitir que um sonho morra? Será que o suficiente para viver para Ele?

Oração
Senhor, sei que tu sempre me pedes para entregar tudo a Ti- incluindo os sonhos do meu coração. E mesmo quando esse sonho vier de Ti, Tu ainda assim pedes que eu não me apegue a ele. Desse modo, entrego todos os meus sonhos a Ti neste exato momento. Não quero apegar-me a algo que Tu não vá abençoar, nem desistir de algo que seja Tua vontade para minha vida.

Fonte: Bom dia! Leituras diárias com Stormie Omartian

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...